9.2 C
Bruxelas
Quarta-feira, fevereiro 28, 2024
EuropaPresidente do Quénia: UE e África devem enfrentar as alterações climáticas e a migração |...

Presidente do Quénia: UE e África devem enfrentar as alterações climáticas e a migração | Notícias

AVISO LEGAL: As informações e opiniões reproduzidas nos artigos são de responsabilidade de quem as expressa. Publicação em The European Times não significa automaticamente o endosso do ponto de vista, mas o direito de expressá-lo.

TRADUÇÕES DE ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE: Todos os artigos deste site são publicados em inglês. As versões traduzidas são feitas por meio de um processo automatizado conhecido como traduções neurais. Em caso de dúvida, consulte sempre o artigo original. Obrigado pela compreensão.

Central de notícias
Central de notíciashttps://europeantimes.news
The European Times Notícias visa cobrir notícias importantes para aumentar a conscientização dos cidadãos em toda a Europa geográfica.

Durante uma sessão solene em Estrasburgo, o Presidente Ruto exigiu novas formas de cooperação entre a UE e África baseadas em estratégias mutuamente benéficas. “A Europa é aliada e parceira de África há muitos anos”, disse ele.

Observando que o aumento do custo de vida, a pressão fiscal e os desafios da migração estão a enfraquecer a solidariedade internacional, apelou à UE para que trabalhe em conjunto com os países africanos na gestão da migração, abordando as causas profundas da migração irregular. O Presidente Ruto sublinhou também que os líderes mundiais, incluindo os africanos, devem permanecer alertas para o risco de tensões e desacordos aumentarem rapidamente e com consequências dispendiosas.

O Presidente Ruto prestou especial atenção no seu discurso aos desafios causados ​​pelas alterações climáticas, tornando todos iguais “perante um desafio global partilhado, transcendendo todas as divisões Norte-Sul, Leste-Oeste, desenvolvidas e em desenvolvimento”.

É cada vez mais claro que as estruturas políticas internacionais estabelecidas no século XX já não são adequadas à sua finalidade, disse ele, apelando a uma redefinição fundamental da cooperação internacional que vá além dos acordos que perpetuam ciclos de endividamento e dependência.

Você pode assistir ao discurso completo plítica de privacidade (21.11.2023)

Link Fonte

- Propaganda -

Mais do autor

- CONTEÚDO EXCLUSIVO -local_img
- Propaganda -
- Propaganda -
- Propaganda -local_img
- Propaganda -

Deve ler

Artigos Mais Recentes

- Propaganda -