16.5 C
Bruxelas
Sexta-feira, junho 21, 2024
NotíciasAs igrejas afirmam o lugar dos valores cristãos na política e na sociedade europeias

As igrejas afirmam o lugar dos valores cristãos na política e na sociedade europeias

AVISO LEGAL: As informações e opiniões reproduzidas nos artigos são de responsabilidade de quem as expressa. Publicação em The European Times não significa automaticamente o endosso do ponto de vista, mas o direito de expressá-lo.

TRADUÇÕES DE ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE: Todos os artigos deste site são publicados em inglês. As versões traduzidas são feitas por meio de um processo automatizado conhecido como traduções neurais. Em caso de dúvida, consulte sempre o artigo original. Obrigado pela compreensão.

Central de notícias
Central de notíciashttps://europeantimes.news
The European Times Notícias visa cobrir notícias importantes para aumentar a conscientização dos cidadãos em toda a Europa geográfica.

Enquanto a Europa se prepara para as eleições europeias de 2024, em Junho, representantes de várias Igrejas reuniram-se em Salónica, na Grécia, de 15 a 17 de Maio de 2024, para destacar o papel dos valores cristãos na política e na sociedade europeias no contexto da crescente secularização. Mons. Crociata afirmou: “As igrejas têm a oportunidade e a responsabilidade de dar às nossas sociedades a esperança de não perderem a memória das raízes que dão vida aos valores que mantêm as nossas comunidades unidas”. Discursos [1 - 2Galeria de fotos | Declaração: EN - FR - DE

Conferência Ecumênica-Salónica-valores-cristãos

A conferência internacional contou com reflexões e diálogo político em antecipação às próximas eleições europeias. Os participantes exploraram e examinaram formas criativas de promover os valores cristãos nas sociedades e arenas políticas europeias, contribuindo eficazmente para a resolução de crises em curso que afectam a paz, o clima, a sociedade e a economia.

ELE Mons. Mariano Crociata, Presidente da COMECE, sublinhou o papel unificador vital das Igrejas. "[Nós] temos a oportunidade e a responsabilidade de dar às nossas sociedades a esperança de não perderem a memória das raízes que dão vida aos valores que mantêm unidas as nossas comunidades”.

Na mesma linha, Dom Nikitas de Thyateira e da Grã-Bretanha, Presidente da CEC, também enfatizou: “Estamos unidos em espírito e apoiamos os esforços de todos os que aspiram a ver os valores cristãos na sociedade europeia. A ideia de apagar os valores, as tradições e a linguagem cristã significa inevitavelmente apagar a nossa própria identidade”.

A conferência também abordou o crescente analfabetismo religioso entre os decisores políticos. Os participantes discutiram formas de as Igrejas reivindicarem e salvaguardarem o espaço para a fé como um elemento legítimo no discurso político europeu.

“As nossas sociedades vivem numa situação cultural e moral paradoxal – disse Mons. Crociata. Por um lado, parecem não ter o direito de reconhecer as raízes transcendentes dos valores que estão na base da nossa convivência; por outro lado, precisam de um espírito comum para manter algum tipo de unidade e coerência.”

“As igrejas têm a oportunidade e a responsabilidade de dar às nossas sociedades a esperança de não perderem a memória das raízes que dão vida aos valores que mantêm as nossas comunidades unidas”, Mons. Mariano Crociata continuou.

O Presidente da COMECE abordou também o tema do populismo e os seus vários impactos na actual vida política e social europeia.

“O populismo baseia-se numa relação – ou suposta relação – entre governos e pessoas sem qualquer tipo de mediação social. Desta forma, os governos ocupam todo o espaço político, enquanto as pessoas ficam à mercê de todos, num isolamento perfeito, que hoje tem um nome preciso: individualismo”, afirmou ele.

O evento foi também uma oportunidade para assinar oficialmente a declaração 'Europa, Be Yourself! – Um discurso às instituições europeias, aos candidatos ao Parlamento Europeu e aos partidos políticos, emitido em março de 2024. A declaração pode ser acedida SUA PARTICIPAÇÃO FAZ A DIFERENÇA.

A conferência foi realizada de 15 a 17 de maio de 2024. É organizada pela Comissão das Conferências Episcopais da União Europeia (COMECE) em cooperação com a Conferência das Igrejas Europeias (CEC), a Assembleia Interparlamentar sobre Ortodoxia, a Santa Metrópole de Salónica e a Escola de Teologia da Universidade Aristóteles de Salónica

- Propaganda -

Mais do autor

- CONTEÚDO EXCLUSIVO -local_img
- Propaganda -
- Propaganda -
- Propaganda -local_img
- Propaganda -

Deve ler

Artigos Mais Recentes

- Propaganda -