13.2 C
Bruxelas
Sábado, setembro 23, 2023
NotíciasPapa aos Redentoristas: 'Ouse renovar sua missão de serviço aos pobres'...

Papa aos Redentoristas: 'Ouse renovar a sua missão de serviço aos pobres' – Vatican News

AVISO LEGAL: As informações e opiniões reproduzidas nos artigos são de responsabilidade de quem as expressa. Publicação em The European Times não significa automaticamente o endosso do ponto de vista, mas o direito de expressá-lo.

TRADUÇÕES DE ISENÇÃO DE RESPONSABILIDADE: Todos os artigos deste site são publicados em inglês. As versões traduzidas são feitas por meio de um processo automatizado conhecido como traduções neurais. Em caso de dúvida, consulte sempre o artigo original. Obrigado pela compreensão.

Mais do autor

Bispo chileno: grande participação no referendo mostra desejo de unidade - Vatican News

Bispo chileno: Ampla participação no referendo mostra desejo de unidade – Vatican News

0
O Bispo Auxiliar de Santiago do Chile, Alberto Lorenzelli, disse que o resultado do referendo constitucional realizado domingo no Chile afirmando o voto "não" ao projeto de reforma exige uma reflexão nacional, enquanto a ampla participação mostra que as pessoas querem a unidade.

Por Lisa Zengarini

O Papa Francisco, no sábado, dirigiu-se aos membros da Congregação do Santíssimo Redentor (CSsR), comumente conhecidos como Redentoristas, que estão reunidos em Roma para o 26º Capítulo Geral de 11 de setembro a 7 de outubro.

A sessão de quatro semanas está focada em definir a direção da Congregação fundada por Santo Afonso de' Liguori para os próximos seis anos e em eleger seu novo governo para supervisionar sua implementação.

Em seu discurso preparado, o Papa Francisco estendeu suas saudações aos participantes do Capítulo e a toda a Família Redentorista, reconhecendo em particular o novo Superior Geral, Padre Rogério Gomes.

Não tenha medo de trilhar novos caminhos

Observando que celebrar um Capítulo Geral “não é uma formalidade canônica”, mas “viver um Pentecostes, que tem a capacidade de fazer novas todas as coisas”, o Papa Francisco destacou a importância dos temas abordados na sessão – o da identidade, missão, vida consagrada, formação e governo – para “repensar” seu carisma afonsiano.

Exortou os Redentoristas a “não terem medo de trilhar novos caminhos e de dialogar com o mundo”, mantendo o olhar fixo no Jesus “que se esvaziou a si mesmo, assumindo a forma de servo”.

“Encorajo-vos a ousar, tendo como único limite o Evangelho e o Magistério da Igreja. Não tenham medo de sujar as mãos a serviço dos mais necessitados e dos que nada contam”.

Conversão do coração e mudança de estruturas

Recordando que o foco do seu carisma é a “vontade” de enfrentar qualquer prova para levar a todos a Redenção de Cristo, o Papa insistiu na importância da renovação na Igreja e na vida consagrada, “para responder com fidelidade criativa” à sua missão.

A renovação, observou ele, requer um processo de “conversão do coração e da mente” (metanoia), e ao mesmo tempo “uma mudança de estruturas”. Isto implica por vezes o afastamento de algumas velhas tradições e costumes culturais – os nossos “velhos jarros”, que podem ser um processo “doloroso”, mas “necessário” se quisermos ser “missionários da esperança”.

Ser missionários da esperança

A esse respeito, alertou que “quem permanece apegado às próprias certezas corre o risco de cair em uma esclerose do coração, que impede a ação do Espírito no coração humano”.

“Não devemos colocar obstáculos à ação renovadora do Espírito, antes de tudo em nossos corações e em nossos estilos de vida. Só assim podemos nos tornar missionários da esperança!”

três pilares

Enquanto os Redentoristas embarcam neste processo de renovação, o Papa Francisco também os lembrou que “três pilares fundamentais não devem ser esquecidos: a centralidade do Mistério de Cristo, a vida comunitária e a oração”.

“O testemunho e os ensinamentos de Santo Afonso continuamente nos lembram de 'permanecer no amor' do Senhor. Sem Ele nada podemos fazer; permanecendo n'Ele damos fruto (cf. Jo 15, 1-9). O abandono da vida comunitária e da oração é a porta para a esterilidade na vida consagrada, a morte do carisma e o fechamento em relação aos irmãos. Ao contrário, a docilidade ao Espírito de Cristo nos impele a evangelizar os pobres, segundo o anúncio do Redentor na sinagoga de Nazaré, concretizado na congregação por Santo Afonso Maria de 'Liguori”.

Encerrando seu discurso, o Papa Francisco expressou seu desejo de que o recém-eleito corpo governante da Congregação mostre “humildade, unidade, sabedoria e discernimento” ao liderar a Família Redentorista nestes tempos difíceis.

Nunca se esqueça dos pobres

Ao confiar a Congregação à proteção da Mãe do Perpétuo Socorro, concluiu rezando para que os Missionários Redentoristas sejam “fiéis e perseverantes” em sua missão, “nunca esquecendo os mais pobres e desamparados” a quem servem e a quem anunciam a Boa Nova da Redenção.

Ouça nosso relatório

- Propaganda -
- CONTEÚDO EXCLUSIVO -local_img
- Propaganda -
- Propaganda -
- Propaganda -

Deve ler

Artigos Mais Recentes

- Propaganda -